Empreendedorismo

Novos 100 Dias para Mudar de Vida (1/100)

E hoje começa a contagem. Serão cem dias para cuidar do meu negócio e fazer a minha empresa deslanchar. Muitos dirão que 100 dias é pouco tempo. E eu digo que 100 dias são mais do que suficientes. Eu sei que são. Já vi minha vida mudar pela mesma quantidade de tempo. Por que agora seria diferente?

Não vou mentir. Estou me sentindo muito vulnerável compartilhando isso aqui. E se não der certo? E se eu falhar? Todo mundo irá saber… Bom, nem sei se alguém vai ler esses posts mas eles estarão aqui para quem quiser ler. Então é como se todos os olhos estivessem virados para mim. E só de imaginar, a minha ansiedade já quer entrar em pânico.

Mas aqui vai a minha coragem de ser imperfeita (thanks to Brené Brown). Eu quero empreender, viver o meu propósito e eu sei que eu posso, afinal todos nós podemos. Então não vou deixar minha timidez e insegurança falar mais alto. Eles já governaram minha vida por muito tempo e agora acabou!

Eu me planejei para começar esse projeto. Saí da empresa onde eu trabalhava, enfrentei o medo de não ter uma renda fixa, conversei com meu namorado, com amigas e com minha terapeuta para ter clareza de tudo o que eu estava fazendo (e para ter certeza de que não era algo impulsivo e sem pensar direito), pensei em meios de ter uma renda e listei o que eu precisava fazer pela minha empresa.

Tive crises de ansiedades (mais fortes do que eu gostaria). Me questionei inúmeras vezes se era isso mesmo o que eu devia fazer. Vários “e se…?” vieram na minha cabeça junto com mais pensamentos ruins que o medo e a insegurança fazem a gente ter. Mas tomar uma decisão grande tem dessas né? Só não podemos cair na deles.

Primeiro dia do projeto e já com um lanchinho no Home Office…

E aqui estou no meu primeiro dia. E de cara está tendo obras em algum vizinho, os cachorros não param de latir e meus pais estavam aqui me visitando. Ou seja, varias distrações para um home office. Mas por enquanto tudo certo. Acho que a minha maior distração sou eu mesmo, com aquela vontade de olhar as redes sociais e os inúmeros pensamentos (incluindo a morte da bezerra) que enchem a minha mente. Eu tenho a lista de coisas para fazer hoje e estou seguindo. Falta só mais uma e meu dia estará terminado. Então apesar da distração, estou me saindo bem.

Planner organizadinho e uma tentativa de lettering e deixar ele cool mas não rolou…

Como me organizei? Eu fiz varias listas do que eu precisava fazer separado por áreas (empresa Larissa Vale, empresa Elav Handmade, coisas pessoais…) e escolhi três atividades para cada dia da semana. Esse é o meu objetivo, cumprir essas três atividades no dia. Algumas são bem simples mas o objetivo do projeto é eu dar um passo por dia, fazer alguma coisa pelo meu negócio, nem que seja pequeno. O importante é sair do lugar.

Workbook Make It Happen me ajudando sempre…

Eu também estou utilizando o meu Workbook Make It Happen para marcar os 100 dias. O projeto começa hoje dia 22.04.2019 e termina em 20.07.2019.

Pensando agora nós somos nossa maior distração mesmo. E a gente culpa tudo e a todos por não conseguir focar. Mas nós temos a responsabilidade das nossas atitudes e não percebemos isso. Hoje mesmo falei no stories sobre como a gente pode mudar as coisas com apenas um movimento pequeno. É só um simples levantar, uma respirada, um não, uma escolha. E pronto, nossa preguiça vai embora e saímos da zona de conforto.

Se eu estivesse trabalhando para outra empresa com carteira assinada, eu estaria trabalhando, estaria fazendo o que precisava ser feito. Mesmo com preguiça, mesmo sem energia. Por que para a minha empresa eu não posso fazer isso? Por que vou escolher assistir mais um episódio de Grey’s Anatomy? Se quero que isso dê certo eu preciso escolher a minha empresa, todas as vezes!

Esse é o começo da minha melhor vida…

Facebook Comments

Deixe uma resposta