Empreendedorismo

Primeira Semana: O que Estou Fazendo? 7/100

A primeira semana do projeto 100 Dias para Empreender se passou e estou me perguntando “O que estou fazendo?“. E não, não estou me perguntando porque me arrependi de empreender. Mas sim porque está ainda meio confuso por aqui.

A semana não saiu como eu esperava. Não consegui fazer tudo o que eu planejei, não estava com muito energia (provavelmente isso tem a ver com a tpm que resolveu dar um show justo nessa semana) e mesmo tendo planejado me senti um pouco perdida.

Como disse no post anterior eu fiz três listas de afazeres; 1) Afazeres pessoais, 2) Afazeres Larissa Vale e 3) Afazeres Elav Handmade. Nessas listas eu tentei esmiuçar as tarefas para que eu pudesse fazer durante a semana e listei 3 tarefas por dia.

A ideia foi boa e acredito que esse tipo de organização funciona, mas talvez eu devesse ter esmiuçado mais ainda as tarefas. Ou foi culpa da tpm mesmo que eu não consegui fazer tudo o que planejei. De qualquer forma eu já comecei a colocar em pratica algumas coisas então pontos para mim por isso! E ao longo da jornada vamos melhorando.

Percebi que eu tenho um estereótipo de empreendedor que pode estar me atrapalhando um pouco. Na minha cabeça um empreendedor só é bem sucedido porque trabalha quase 24 horas por dia e que só assim eu serei bem sucedida também. Mas será que é assim mesmo? Eu acredito que não. Mais vale trabalhar 1 dia bem trabalhado de forma inteligente do que 7 dias mal trabalhados. Então eu devesse parar de me cobrar e querer ser produtiva todos os dias e focar em trabalhar de forma inteligente.

Tentando organizar as ideias…

As vezes me questiono se eu deveria estar trabalhando nessas minhas 3 listas de afazeres ao mesmo tempo. Será que isso que está me deixando confusa? Afinal são objetivos diferentes para cada. Deveria eu focar só em uma coisa? Realmente não sei!

Os afazeres pessoais são simples. Eu quero vender algumas coisas que não uso mais (ou que estão novas) e estão paradas aqui em casa. Fiz uma organização nas roupas mandei algumas para doação e outras pensei em vender. Mas confesso que estou com vontade de enviar para doação também. As roupas estão novas, em perfeito estado. Mas a maioria são camisas sociais. Será que alguém compra roupa social usada?

Eu também tenho varias semi joias novas paradas aqui. Iria vender no site do enjoei. Mas comecei a analisar todo o trabalho que eu teria de fotografar, descrever, divulgar, vender, enviar. Então lembrei de uma vizinha amiga que é vendedora, já tem sua clientela e que poderia vender por mim. Ela já topou! Estou terminando de precificar e empacotar. Achei bem empreendedor da minha parte fazer isso. Afinal as chances dela conseguir vender tudo são bem maiores do que as minhas e sem contar que o meu trabalho vai ser bem menor!

Para a Elav Handmade eu estou naquela fase do começo do produto sabe? Já fiz dezenas de pesquisas sobre tecidos, fornecedores… Já entrei em dezenas de lojas, pesquisei preços… Essa parte é bem demorada. Eu quero encontrar o melhor e fazer o melhor. A principio o produto principal será Cobertor Ponderado (são cobertores mais pesados que em contato com a pele libera serotonina e outros hormônios do bem-estar nos deixando relaxados, calmos e nos sentindo bem).

Eu fiz um para testar e estou amando. Uso todas as noites e se pudesse não tiraria ele de cima mim. Estou realmente apaixonada!

Olha que lindo o primeiro cobertor Elav Handmade… Amo usar ele no pé da cama!

Também irei fazer outros produtos mas penso em ser uma coleção capsula (pequenas coleções com produtos únicos e sem reposição). Mas isso é algo um pouco mais para frente. Agora quero mesmo focar nos cobertores e criar uma empresa sustentável.

E para o Larissa Vale eu tenho muitas ideias mas estou bem perdida. Quero voltar a postar com mais frequência no canal, criar conteúdos muito relevantes (não só no Youtube mas nas redes sociais também) e criar um comunidade de pessoas que querem ser melhores e que queiram criar a vida dos sonhos.

Eu só não sei por onde começar. Na verdade já comecei a fazer uma coisa que eu queria que era compartilhar dicas e coisas que eu aprendo lá no stories. Essa semana fiz isso e tive um retorno muito legal (se quiser acompanhar as próximas dicas segue lá @llarissavale). Fiquei bem feliz com isso. Mas e para o canal? O que devo postar? Como vou ajudar as pessoas? Ainda é uma incógnita que espero desvendar muito em breve.

Resumo: Essa semana teve um planner organizadinho mas com apenas metade das tarefas cumpridas. A tpm me pegou e teve dias de eu não conseguir fazer nada, li-te-ral-men-te (além de chorar e ficar chateada por não conseguir fazer nada). Consegui tirar alguns itens do papel e começar meus projetos (meio engatinhando mas pelo menos saí do lugar). Ainda meio confusa sobre o que devo fazer mas vou descobrindo no caminho.

Enfim, muitas coisas nessa caixola aqui. Essa semana será bem melhor já que a tpm já passou. No sábado mesmo eu já estava super produtiva e com energia. O negócio é seguir em frente, um passo de cada vez!

O que aprendi essa semana:
  • Ser empreendedor de sucesso não é trabalhar 24h por dia e nem ser ligado no 220v;
  • Conhecer como eu trabalho melhor é fundamental para que eu não perca tempo fazendo algo que foge das minhas habilidades e foque no que eu sei fazer de verdade;
  • Quando a tpm bater talvez eu devesse fazer algo que não fosse trabalho mas que também fosse produtivo (como limpar a casa por exemplo rs);
  • Delegar tarefas pode ser uma coisa incrível que traz resultado e diminui o meu trabalho.
Facebook Comments

Deixe uma resposta